Palavras do Alborghetti – Parte 3

Continuando a divulgação dos textos anteriormente publicados por Alborghetti para o blog. Neste texto ele comenta sobre uma entrevista publicada pelo jornalista Vitor Costa e fala um pouco sobre as pessoas que trabalharam com ele.

Clique aqui para saber mais e ler os textos que ja foram publicados.

Amigos do Blog do Will, aqui é o Alborghetti. Uma correção na mensagem ao amigo jornalista Vitor Costa: 1 mandato de vereador por 4 anos e mais 4 mandatos de deputado por 16 anos. Total de vida pública: 20 anos, e não 2 como saiu acima. No rádio, jornal, televisão, e agora na Internet, estamos chegando aos 39 anos de profisssão como repórter e apresentador. Uma informação importante: quando criei o CADEIA, só existiam no Brasil 3 nomes de expressão na crônica policial…Afanazio, Gil Gomes e Alborghetti. O resto veio depois, na base do gênerico. Os melhores repórteres que estiveram ao meu lado: Rubens Fernando Cabral, Niceia Lopes, Dans Barreira, Mauricio Filoco, Doni Santos, Siboney Nascimento, Cristiano Santos, Roberto Aciolli e Ricardo Alexandre Mianes. Dois GRANDES: Carlos Roberto Massa e Angelo Gaioto. Massa ou Ratinho nasceu para ser repórter de rua. Não tem para ninguém. Gaioto (Guararapes SP) trabalhava na Folha de Londrina e no Cadeia, na madrugada da Rádio Londrina ao meu lado. O plantão de uma delegacia de polícia é o grande estágio de um repórter policial. Lá se aprende a fazer jornalismo de verdade. No proximo comentário… estou com vontade de escrever… quem tem na família um filho, uma nora, um sobrinho como INIMIGOS não precisa de amigos. Você fica com medo da propria sombra e não acredita em mais ninguém… ameaças de seqüestro… o poder das drogas é o poder mais SUJO da humanidade… aguardem. Maldita a hora que entrei nesta guerra pensando que ia acabar com o narcotráfico. Defender a policia federal, o ministério publico, a justiça federal e estadual…contrariei interesses de falsos amigos…A maldade está chegando agora para me destruir. Fazer o que? Só morrendo para acabar com tudo… uma matéria interessante… A família, o dinheiro, a fama e o outro lado da meia noite. Sem contar com a podridão asquerosa de falsos radialistas e jornalistas, advogados e politicos que hoje descobri… antes se faziam de amigos, mas na verdade são verdadeiros URUBUS esperando a carne apodrecer. Acho que vou precisar do Will ou do Vitor Costa para escrever…O BURACO NEGRO DO PODER. Uma verdade… CONTRARIEI OS INTERESSES DO JOGO MALDITO DO PODER…. até mais….

Luiz Carlos Alborghetti (08/11/2008)

Anúncios

~ por William Marchiori em 16/12/2009.

6 Respostas to “Palavras do Alborghetti – Parte 3”

  1. Achei muito legal isto que o mestre falou….e os URUBUS tem que dar pra ONÇA COMEEEEEEE

  2. Cadê o Ricardo Alexandre ?? Como ele tá, o que ele falou na Rádio ??

  3. eu fico muito triste de ver o Ratinho hoje com a fama tda que tem e mem fala no alborhetti tudo o que ele aprendeu ele deve a ele incrusive as palavras cafe no bule a cobra vai fumar são frases do alborghetti descance em paz e cadeia nele

  4. E o Patrulha da Cidade???

    Já existia e já era sagaz…

  5. Saudades do mestre, nunca haverá ninguém igual.

  6. Gente, quando é que vão atualizar isso aqui? Eu nunca assisti o Dal frequentemente. Aliás, acho que nunca o assisti quando pequeno, mas hoje eu peguei gosto por ele. Quero ver quando vai sair o Portal Cadeia e o DalTube. Enquanto isto, tenho de ficar com os fragmentos do Dal pelo Youtube mesmo. :/ Abçs e fiquem com Deus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: